Austrália 2 x Síria 1

A Austrália se manteve na briga por uma vaga na Copa do Mundo de 2018, na Rússia, ao vencer a Síria por 2 a 1, de virada, nesta terça-feira (10), em Sydney, graças a um gol marcado pelo meia Tim Cahill na prorrogação do confronto de volta da repescagem asiática das Eliminatórias. Com o triunfo, os australianos asseguraram classificação à repescagem mundial e encerraram o sonho dos sírios de colocarem o seu país pela primeira vez em uma edição da principal competição do futebol no planeta.

Agora, a Austrália espera pela definição do seu adversário na repescagem mundial, que será o quarto colocado do qualificatório da Concacaf. No caso, Estados Unidos, Honduras ou Panamá poderão terminar nesta posição após a rodada final marcada para acontecer também nesta terça, às 21 horas (de Brasília).

Os atuais donos da quarta colocação das Eliminatórias da Concacaf são os panamenhos, que atuarão em casa diante da Costa Rica, país já garantido no Mundial. Com os mesmos dez pontos do Panamá, mas em quinto lugar nos critérios de desempate, os hondurenhos enfrentarão o México, outro com vaga assegurada na Copa, também como mandantes.

Enquanto isso no Brasil

Nem Neymar supera a popularidade de Tite. “Pensar [em seguir por muitos anos], eu pensei, mas ainda é utopia. Tem de crescer muito a mentalidade de uma forma geral para essa estruturação acabar acontecendo. Temos que evoluir enquanto técnico, dirigentes e formadores de opinião para o torcedor entender que tem de ter continuidade. Dizem que inveja e cobiça são diferentes. Inveja é querer que o outro não tenha, cobiçar é querer ter também. Eu cobiço, sim, o que vejo na Alemanha e outras seleções. Mas é prematuro”, disse Tite.

Por outro lado Copa do Mundo, Comitê Olímpico, CBF, COI… assuntos que encontramos mais em páginas policiais do que esportivas.

Por em 10 out 2017. Arquivado em Esportes. Você pode acompanhar quaisquer comentário a esta notícia através do RSS 2.0. Comentários e pings estão fechados no momento.

Comentários fechados.

Design by Design in Site
Todos os direitos reservados. Gazeta 24 horas.